A primeira escola de teatro musical do sul do país, Projeto Broadway, acaba de inaugurar seu próprio teatro, localizado bem no centro de Curitiba (Rua Presidente Faria, 282). O Teatro Projeto Broadway já está funcionando e é voltado para apresentação de musicais e outras peças de pequenas companhias artísticas.

Com 50 lugares, o teatro era um sonho dos diretores da escola, Ricardo Bührer, Giovana Póvoas e Débora Bérgamo. “Tínhamos muitos artistas bons aqui, formados, e que precisavam ir para São Paulo para poder atuar”, conta Bührer.  “Nós tivemos a percepção que um artista se forma no palco. Ele precisa experimentar uma longa temporada no teatro, ter um repertório e crescer para se tornar um artista independente, e não ficar só na sala de aula”, complementa.

>>> 3 lugares para ouvir música erudita em Curitiba

O Teatro Projeto Broadway nasceu, então, com três objetivos: deixar as peças produzidas pela escola em cartaz por mais tempo; profissionalizar artistas em todas as áreas de atuação e produção, deixando-os em contato com o palco; e estimular Curitiba a conhecer o teatro musical, fortalecendo um público na cidade.

Ao menos uma peça de teatro musical será apresentada por semestre, em temporadas de dois meses, feita pelos alunos, ex-alunos e professores do Projeto Broadway. Em cartaz na inauguração, a versão da escola de The Rocky Horror Show, clássico musical dos anos 1970, lotou o novo teatro da cidade e ganhou o prêmio de Melhor Espetáculo da região pelo Prêmio Brasil Musical. “O teatro é pequeno, mas já nasceu fazendo história como o primeiro teatro voltado para teatros musicais e ganhando prêmio!”, brinca Giovana Póvoas. 

>>> Jardim das Américas vai ganhar cinema com tecnologia de imersão

E a ideia é ir além: “temos interesse em receber pequenos grupos, monólogos, peças de companhias locais”, ela diz, convidando pequenas companhias da cidade a conhecerem o espaço. “Estamos no centro, do lado do Guaíra, do Barracão EnCena, do Teatro Zé Maria, do novo Cine Passeio… Ter outro teatro aqui faz parte de um projeto que visa revitalizar o centro da cidade para fomentar a cultura”, diz.

Na programação para o próximo semestre, entram em cartaz Waitress, durante o mês de maio, e Chicago, em julho, ambos produzidos pela escola. Os musicais apresentados pelo Projeto Broadway são todos versionados, ou seja, com canções em português e roteiro autoral. Os ingressos têm valores de R$ 50 e R$ 25, além da modalidade Rush Tickets, em que alguns ingressos são vendidos na hora do espetáculo por R$ 10.

O modelo do teatro foi inspirado em teatros “off-off-Broadway”, de Nova York: espaços culturais pequenos e vinculados à gastronomia. É por isso que dentro do Teatro Projeto Broadway há um café, o Café das Artes, que funciona durante os espetáculos e durante as aulas da escola, como um espaço de convivência para os alunos e aberto ao público.   

>>> Filme recorde de bilheteria conta a história do preso mais antigo da Argentina

Inaugurado no dia 15 de abril, a festa de abertura contou com a presença das madrinhas do teatro: Daniela Mercury, Claudia Neto e Regina Vogue. “Os artistas precisam se unir e se apoiar”, diz Póvoas. “Esse é um novo espaço feito por artistas e para artistas”.

Projeto Broadway

Com cursos livres e de formação, a Projeto Broadway é uma escola de teatro musical para adultos, crianças e adolescentes que ensina canto, dança, teatro e sapateado aos alunos. O curso de formação dura dois anos e já formou mais de 200 artistas desde a fundação, em 2015. Para mais informações, clique aqui.