Desde os anos 90, Scott Stapp, que ficou famoso como vocalista da banda Creed, diz estar em uma jornada musical, evoluindo a cada dia. E quer dividir esta evolução com os fãs, mas, sem deixar os grandes sucessos para trás. “Quero trazer o melhor dos dois mundos. Canções do meu novo álbum, mas também as favoritas do Creed para que todo mundo possa cantar músicas que eles conhecem”, disse Scott em entrevista ao Clube Gazeta do Povo. “O Creed acabou, mas eu sou uma continuação desta história musical”, lembrou. 

Scott Stapp se apresenta no dia 13 de novembro no ReConcert, que fica na Usina 5. Assinantes do Clube Gazeta do Povo têm 50% de desconto na compra de até dois ingressos. 

Quando começou a compor com o Creed, Scott diz que sempre teve certeza que a banda ia decolar. “Mas eu era ingênuo, não sabia de toda a dificuldade do mundo da música. Só achei que se fizéssemos um bom álbum nos conectaríamos com as pessoas, o que de fato aconteceu”, explicou. 

Scott passou por momentos difíceis em que se envolveu com álcool e drogas durante as turnês da banda. Mas, depois de passar por momentos difíceis, se diz recuperado. Mas, as sombras deste tempo ainda permanecem em suas canções - mas de uma forma, tenta passar aos fãs uma mensagem de superação. O novo álbum solo se chama “The Space Between Shadows” (O espaço entre as sombras) e, de acordo com ele, significa uma espécie de cura. “As sombras são de tempo de dor, de sofrimento. Neste álbum falamos sobre encontrar a luz”, disse. 

Aos fãs do Brasil, Scott Stapp deixa um recado: “se preparem para um show cheio de energia e rock’n roll. Vamos tocar todas as músicas que vocês querem ouvir”, completou. 

LEIA TAMBÉM 
 

>>> Miguel Falabella vem a Curitiba no fim do mês

>>> Relespública comemora 30 anos com show em Curitiba