Restaurantes

Paul McCartney encomenda bagels de restaurante em Curitiba para o café da manhã

Por: Bruna Covacci
Paul McCartney encomenda bagels de restaurante em Curitiba para o café da manhã

Paul McCartney já está em Curitiba. Vegetariano e cuidadoso com a alimentação, trouxe junto com ele um chef de cozinha para comandar o ‘mise em place’ da turnê. Ele não vai comer fora, pediu para a equipe procurar produtos orgânicos e servir tudo fresco. Só mais um pedido: bagels para café da manhã. Estes foram encomendados para o chef Luiz Santo, 36 anos, do New York Café.

Leia também:

>>> Confira os bares da cidade que estão oferecendo esquenta para o show de Paul 

>>> Palco de Paul McCartney tem 100 toneladas de luz e som

>>> Que horas eu devo chegar ao show do Paul? Saiba também os itens proibidos e aproveite a diversão

Santo foi procurado pelo chef de Paul, Darren. “Ele me pediu para que fosse tudo fresco, me perguntou a receita e deu ‘ok’”, conta. Segundo Santo, o chef ainda teria brincado: “O Paul fica maluco sem os bagels dele de manhã”.

O pedido foi de seis bagels (pão tradicionalmente feito de massa de farinha de trigo fermentada, na forma de anel, feito sob medida à mão e que primeiro é fervido em água e depois assado). Foram dois tradicionais (farinha, água, fermento e malte), dois sesame (com gergelim) e dois onion (de cebola). Todos podem ser consumidos no New York Café e custam R$ 6. 

Santo começou a produzir os pães às 5 horas da manhã deste sábado (30) e terminou de assar às 10h. Às 11 horas da manhã a equipe da produção foi no restaurante buscar os produtos, que devem ser consumidos depois da passagem de som, às 12h.

Além dos pães encomendados, Santo mandou para o ex-Beatle um bialy (foto acima); ele tem os mesmos ingredientes da receita do bagel, mas ainda leva cebola caramelizada com papoula dentro e fora. Ele é fermentado de 3 a 4 horas a frio e, diferentemente do bagel, não é fervido na água – é assado no forno por 20 minutos. “Quis mandar o bialy porque o preparo é mais raro, assim ele poderia matar a saudade”, disse.

Para comer os pães de Paul

Segredo do chef

Após fermentar a massa a frio por duas horas, é feito o formato do bagel e reservado por mais duas horas. Depois, o pão é fervido em água com malte e vai para o forno por mais ou menos 20 minutos. Dependendo do sabor do bagel é adicionado temperos (chia, gergelim) em cima.