Restaurantes

Lagundri serve jantar vegano a R$ 55 às segundas

Por: Flávia Schiochet
Lagundri serve jantar vegano a R$ 55 às segundas

Boas novas para quem procura uma experiência: o restaurante Lagundri volta a servir menu vegano às segundas. A sequência com duas entradas, prato principal e sobremesa sai R$ 55 por pessoa ou R$ 95 com mais dois drinks do bar Hey Dragon, que funciona no mesmo imóvel em que o restaurante. O jantar é servido a partir das 19h e é recomendado fazer reserva. Assinantes da Gazeta do Povo têm 20% de desconto no Lagundri.

Apesar de ter pratos vegetarianos que podem ser facilmente adaptados para serem veganos (ou seja, sem ingredientes de origem animal), o chef Marcelo Amaral já havia lançado em outros momentos menu degustação e menu completo especialmente para os veganos.

Salão do restaurante Lagundri. Foto: Divulgação

A refeição começa com uma salada de papaia verde (com vagem, tomate-cereja e molho de tamarindo e amendoim) e um dumpling de tapioca recheado com mix de leguminosas (feijão branco, preto ou grão-de-bico com especiarias).

Em seguida, seitan aromatizado com alga e shiitake salteado na wok com abacaxi, gengibre e castanhas. A sobremesa é um pastelzinho de banana servido em chá aromático. Os pratos do menu mudarão semanalmente após um mês da implantação.

Pasteizinhos de banana fecham o menu vegan servido às segundas-feiras no Lagundri. Foto: Divulgação

Para beber, o cliente pode escolher entre dois drinks autorais da carta do Hey Dragon: Guará (gin Tanqueray, limão, simple syrup, manjericão e espuma de amora) e Colibri (feito com gin Hendrick’s, licor de flor de sabugueiro, limão, simple syrup, hortelã, pepino e água com gás). O cliente pode pedir um de cada ou dois iguais.

Outras experiências

A diferença deste menu vegano para os anteriores do Lagundri é que desta vez o chef e a equipe da cozinha exploram técnicas além de saltear na wok: a massa do dumpling é feita com sagu hidratado, sem usar calor, e o seitan (massa de glúten) feito na casa leva dois dias para ficar pronta. O novo menu vegano começou a ser servido no dia 13 de maio.

“Estamos procurando usar ingredientes conhecidos de maneira surpreendente. A brincadeira é que as pessoas nem percebam que estão comendo algo que não seja carne”, comenta o chef.

***

LEIA TAMBÉM

>>> 6 lugares roots para curtir o rolê em Curitiba

>>> Evento em Curitiba reúne grandes nomes da arte e da moda