Cinema

“Hebe – A estrela do Brasil” mostra a mulher que fez tudo pelos seus ideais

Por: Bruna Covacci
“Hebe – A estrela do Brasil” mostra a mulher que fez tudo pelos seus ideais

"A censura acabou ou não, no Brasil?”, a frase de Hebe Camargo contextualiza o cenário do filme que leva o seu nome e chega aos cinemas de todo o Brasil nesta quinta-feira (26). O ano é 1986 e o governo federal ainda tentava controlar o que a apresentadora falava em seu programa de televisão.

A frase mais famosa está lá: “A Hebe não é de direita, a Hebe não é de esquerda. A Hebe é direta”. Ela provocava. Dizia que a censura não queria que ela falasse de sexo ou fosse alegre. Em uma ocasião, anunciou a mulher mais bonita do Brasil, Roberta Close. Dercy Gonçalves, outra entrevistada, fica indignada, grita, “a mulher mais bonita do Brasil sou eu”, e mostra os seios.

Depois disso, ela abandonou uma das emissoras dizendo que não aguentava mais ser censurada. Não queria fazer programas gravados. A apresentadora que lutava a favor das minorias também ganha espaço no roteiro em outras cenas, defendendo seu cabeleireiro Carlucho (Ivo Müller).

>>> Confira todos os horários de cinema 

A Hebe tinha fama de malufista, reacionária, mas o perfil que a roteirista Carolina Kotscho propõe vai à contramão disso. O filme mostra uma apresentadora que enfrenta problemas com o marido, defende a liberdade de todos.

Um recorte de Hebe

Quem for aos cinemas para assistir “Hebe – A estrela do Brasil” esperando acompanhar a apresentadora desde sua infância humilde até sua morte, em 2012, pode se decepcionar.

A única referência sobre quando ela era mais nova é uma frase em que questiona um produtor: “Você já passou fome? Eu já”. As cenas que mostram Hebe em família retratam uma mulher que pouca gente conhecia, longe dos holofotes. Ela sofria com o ciúme excessivo do seu segundo marido, Lélio Ravagnani (Marco Ricco). Marco se destaca na atuação, com um discurso do homem abusivo que faz tudo “por amor”.

Bebia muito. O “drinkinhos” e os telespectadores sempre foram seus fiéis companheiros. O filme é emocionante e vale cada minuto na poltrona do cinema. Confira os horários do filme e aproveite o desconto de 50% em vários cinemas da cidade!