O clube catarinense Green Valley foi eleito o melhor do mundo pela revista britânica DJ Mag Top 100 clubs, ganhando pela terceira vez o título na votação popular. A balada localizada no litoral de Santa Catarina, em Camboriú, desbancou clubes europeus, tornando o Brasil o único país do mundo a ganhar o prêmio fora do tradicional circuito de música eletrônica da Europa. A Green Valley já tinha conquistado a primeira posição do ranking em 2013 e 2015.

>>> 9 parques aquáticos em Curitiba e região

>>> Curitiba é referência na música eletrônica e exporta talentos

A publicação britânica DJ Mag existe há 27 anos e elege o top 100 clubes de música eletrônica do mundo, comandando as tendências de baladas e DJs sendo a referência no segmento. É considerada pelos músicos e pelos empresários de casas noturnas como a 'bíblia da música eletrênica'. Além das baladas, a revista também elege os melhores DJs do mundo.

De acordo com o CEO da Green Valley, Eduardo Phillips, a conquista é um presente de aniversário para o clube de música eletrônica. "É o reconhecimento do público e da crítica especializada. Não poderíamos ter conquista melhor para a comemoração dos dez anos do clube do que voltar ao topo pela terceira vez", afirmou. 

Baladas de Santa Catarina se destacam pelo mundo

Desde 2007, a Green Valley, junto com outras baladas, ajudaram a tornar o litoral norte catarinense uma espécie de meca da música eletrônica mundial, assim como Ibiza na Espanha e Londres na Inglaterra. Outras duas baladas catarinenses entraram no ranking popular da DJ Mag: o Warung Beach Club, que fica em Itajaí, ficou na 18ª posição, e a El Fortin, de Porto Belo foi a 26ª colocada no Top 100 clubs. Para Phillips, o estado é o mais forte no segmento da música, já que tanto a Green Valley como os outros clubes se renovam na busca de novos expoentes da música eletrônica. "Nosso estado tem segurança, alto astral, natureza, praias, gente que curte e acompanha as tendências de música eletrônica do Brasil e do mundo", disse. 

LEIA TAMBÉM 

>>> 14 lugares para fazer piquenique em Curitiba

>>> Nostalgia: 11 lugares para você se sentir na Curitiba do passado