No final de 1993, a conversa pela cidade era uma só: “está é nossa última oportunidade para assistir um show de Paul McCartney ao vivo em Curitiba”. O show no dia 6 de dezembro daquele ano foi um sucesso absoluto. Milhares de pessoas lotaram a Pedreira Paulo Leminski e, naquele dia, Paul, o ex-beatle, prometeu que um dia voltaria.

Leia Também

>>> As novas baladas que surgiram em Curitiba em 2018

25 anos, ou uma geração depois, Paul vai voltar. Será no dia 30 de março de 2019, no Couto Pereira, com o show da "Freshen Up Tour". Restam poucos ingressos, e vários setores estão com a lotação esgotada. Além de Curitiba, Paul também vai tocar em São Paulo.

A princípio era apenas no dia 26, mas por conta da procura, o músico marcou mais uma data extra na cidade no dia seguinte. E desta vez, é mais justo imaginar que deve ser a última visita do compositor de "Yesterday" a Curitiba. A Passagem de Paul McCartney pela deve ser a última dele por aqui. E para muita gente, a última chance de vê-lo de perto.

O principal motivo é a idade do artista, 76 anos. Ainda que nos últimos oito anos, o sir Paul tenha vindo quatro vezes ao Brasil em 2010, 2013, 2014 e 2017, o músico deu e a entender em entrevistas recentes que suas grandes turnês mundiais sejam cada vez mais difíceis.

A "Freshen Up Tour" começou após o lançamento do álbum, Egypt Station, trabalho mais recente de McCartney. Nos shows da turnê, McCartney mistura canções dos Beatles como "A Hard Day’s Night", "Blackbird", "Eleanor Rigby", "Helter Skelter", "Hey Jude" e outras, com musicas de suas fase com os Wings e de seus trabalhos mais recentes em um show com quase 40 canções.

Nos últimos 15 anos, a banda de McCartney é formada por: Paul “Wix” Wickens (teclados), Brian Ray (guitarra), Rusty Anderson (guitarra) e Abe Laboriel Jr (bateria)".  Acompanhado deles, Paul visitará Curitiba pela segunda vez. Será a última?