O rock feito em Curitiba, desde a década de 1970, visto por dentro. Este é o conteúdo do documentário Uma Fina Camada de Gelo, dirigido pelo cineasta Vinícius Ferreira, que estreia em Curitiba no dia 22 de julho, na Cinemateca de Curitiba.

>>> Livro Uma Fina Camada de Gelo conta a história do rock em Curitiba

O filme é a sequência do livro Uma Fina Camada de Gelo – O Rock Autoral e a Alma Arredia de Curitiba, que foi escrito por Eduardo Mercer e lançado em outubro de 2017. O documentário complementa a pesquisa do livro e faz um resgate histórico da música feita em Curitiba por meio de depoimentos de figuras importantes neste cenário.

O diretor explica que o filme tem uma narrativa independente daquela construída no livro de Mercer, ainda que ambos os projetos tenham demorado os mesmos quatro anos para serem concluídos. “O livro é mais detalhista em pontos históricos e discute outras questões. Eu tento contar o que é ser músico em Curitiba e tudo o que isso envolve”.

Ferreira conta que sua ideia inicial era fazer um filme sobre a cena rock dos anos 1980 e 1990, mas que a medida que foi filmando e descobrindo a história o filme mudou de enfoque. “Fui percebendo pontos narrativos como o que é o sucesso, como estes artistas encaram o sucesso”, disse.

Para o cineasta, o tema do filme é “como este modo de fazer música independente, artesanal, punk, como sempre se fez em Curitiba acabou virando a realidade da maioria dos artistas nacionais depois que o mercado dos discos praticamente foi engolido pelas mídias digitais”, explica.

Entre os entrevistados, estão os músicos Rodrigão (Beijo AA Força, Maxixe Machine) e Wallace Barreto (Ovos Presley), o produtor musical Victor França, o empresário Helinho Pimentel e o músico e produtor cultural J.R. Ferreira, do 92 Graus entre outros.

Veja abaixo o trailer do documentário Uma Fina Camada de Gelo: