Curitiba tem pelo menos uma dezena de rios passando por ela e, agora, a capital vai abrigar o primeiro museu do Brasil dedicado a falar da água. O museu Planeta Água será abrigado no prédio histórico da Sanepar do Tarumã. Apesar de utilizar o prédio da Sanepar, os recursos para a construção do museu vieram de outras fontes, por meio da lei de incentivo à cultura.

A ideia do museu, segundo o coordenador do projeto, Wilgor Caravanti, surgiu quando a crise hídrica começou a se instalar no país, principalmente em São Paulo. “Nós identificados que não existia nenhum museu no país dedicado à água. Gostaríamos então se entregar para Curitiba o primeiro museu de água do Brasil”, explicou.

Projeto do Museu Planeta Água, que será instalado na Sanepar. Foto: Divulgação. 

O objetivo principal do museu não é contar com um acervo histórico, mas sim mostrar a importância da água por meio de ações interativas, dividas por temas. No espaço, estarão diversas áreas do conhecimento como astronomia, hidrologia, saúde, processos físicos e químicos, além de história e até artes plásticas.

O espaço terá pouco mais de 1,3 mil metros quadrados. A montagem deve começar em agosto de 2019 e a inauguração do espaço está prevista para o dia 22 de março de 2020, quando é comemorado o dia mundial da água.

LEIA TAMBÉM 

>>> Fenda do Nick: conheça o passeio que passa por gigantes paredões em Tibagi

>>> Fenômeno mundial, grupo vocal Pentatonix vem a Curitiba pela primeira vez